Relembre as duplas sertanejas que chegaram ao fim após brigas e desgaste

Rick e Renner — No domingo, 4, Rick anunciou em seu perfil no Instagram o fim da dupla com Renner. O cantor tomou a decisão após o parceiro ser preso por causar um acidente embriagado no dia 26 de dezembro, em São Paulo.
É a segunda vez que a dupla chega ao fim. Em 2010, os cantores anunciaram rompimento após o lançamento do disco Happy End (que, pelo título, já dava indícios da separação).
Eles ficaram em carreira solo até 2012, quando reataram a parceria musical. Segundo a mensagem de Rick nas redes sociais, ele já perdeu as contas das vezes em que chamou a atenção do parceiro por conta de mau comportamento e dessa vez é definitivo. Mas essa não é a única dupla que separou durante a carreira. Relembre outros sertanejos que já romperam a parceria


Gian e Giovani — A dupla de irmãos teve um dos fins mais tumultuados da música sertaneja. Em setembro de 2014, Gian sofreu um AVC após ler críticas que Zezé Di Camargo fez a Tati Moreto, esposa do cantor. Mas esse era só o início da confusão. Em seguida, Giovani postou comentário concordando com Zezé. A briga, inclusive, desencadeou o fim da dupla. Giovani alegou que, antes, o irmão havia batido nele com socos e chutes em um show. Ele ainda anunciou que vai seguir carreira solo em 2015. Gian ainda não divulgou seus planos


Thaeme e Thiago — A dupla Thaeme e Thiago é uma das principais revelações da música sertaneja nos últimos anos. Mas mesmo com esse sucesso, em outubro de 2013, José Lazaro Servo anunciou que se desligaria da parceria por falta de afinidade musical com Thaeme.
A cantora seguiu e colocou outro \"Thiago\" no lugar de Servo. O escolhido foi Guilherme Bertholdo, ex-vocalista do Grupo Tradição



Michel Teló — O Grupo Tradição pode ser considerado uma escola de formação de cantores. Thiago Servo não é o primeiro artista a sair do conjunto regional para brilhar sozinho ou em dupla. Michel Teló foi vocalista e fundador da banda, onde chegou a atingir sucesso em nível nacional com a música Barquinho.
Após 14 anos à frente do grupo, em 2009 ele decidiu seguir uma bem-sucedida carreira solo, que o tornou conhecido mundialmente com sucessos do porte de Ai Se Eu Te Pego, Amiga da Minha Irmã, Fugidinha e Ei Psiu Beijo Me Liga


Fernando e Sorocaba — Antes de se tornar o principal arrecadador de direitos autorais do País, Sorocaba demorou para encontrar o “Fernando” ideal. A parceria que dura até hoje só foi possível na quarta tentativa. Antes vieram outros três, que, apesar de talentosos, não agradaram no papel de primeira voz. Fernando Santiago foi o primeiro. Batizado no RG com o nome de Humberto, em 2006 ele chegou a gravar um DVD com Sorocaba e atingiu o sucesso no sul do país. Mas o músico se desentendeu com o empresário da dupla e a parceria acabou.
Para substituí-lo, Fernando contratou Everson Felix, ex-produtor da dupla. O público rejeitou a escolha e ele só ficou durante duas semanas em turnê com Sorocaba. O terceiro Fernando foi Marcelo Sá, que deixou o posto de vocalista de uma banda para cantar na dupla. Foram 22 shows em 45 dias e depois o cantor foi dispensado sem explicação, o que gerou mágoas.
O Fernando mais conhecido, contudo, não precisou usar pseudônimos, já que o nome verdadeiro do músico é Fernando Zor. Ao lado dele, a dupla engrenou e hoje fatura em torno de R$ 50 milhões por ano



Edson e Hudson — Em 2009, os irmãos Edson e Hudson anunciaram que iriam se separar. À época, eles gravaram o CD e DVD Despedida, que marcou o período em que Edson seguiu carreira solo no sertanejo e Hudson tentou se firmar como músico de rock.
Em 2011, eles notaram que a distância atrapalhou as carreiras e eles resolveram se reunir novamente. A volta foi bem-sucedida, mas teve que ser interrompida novamente durante sete meses em 2014. Mas dessa vez o motivo foi diferente. E urgente. Hudson resolveu se internar em uma clínica de reabilitação para tratar o vício em drogas. Nesse período, Edson realizou os shows sozinho e gravou o disco De Edson Para Hudson



Chrytian e Ralf — Os irmãos conhecidos por formar \"a dupla mais afinada do Brasil\" resolveram romper a parceria de duas décadas em 1999. A explicação para o fim foi desgaste e desentendimentos pessoais. Ambos seguiram em carreira solo. Chrystian, que começou a carreira como cantor solo, acreditou que poderia ir bem novamente nessa empreitada. Mas nem ele e nem o irmão alcançaram sucesso e voltaram a se reunir em 2001. De lá pra cá, não se separaram mais



João carreiro e Capataz — O fim da dupla \"bruta, rústica e sistemática\" foi um choque para todos os fãs. Aconteceu logo quando eles atingiram o auge da carreira, após o lançamento do disco Lado A / Lado B, que trazia um lado com canções comerciais e outro com músicas de raiz.
Em 2013 João Carreiro anunciou que iria interromper a carreira para cuidar de depressão e transtorno obsessivo compulsivo. O cantor disse que a decisão foi tomada sem previsão de volta. Como não cogitou retornar, Capataz formou a dupla Carreiro & Capataz em 2014. João Carreiro continua compondo e pretende seguir carreira solo



Hugo Pena e Gabriel — A dupla chegou ao fim em 2011. Os motivos corretos nunca foram divulgados. Mas, na época, Hugo Pena disse através do Twitter que havia sido \"demitido de seu próprio nome\". Por um tempo, a dupla seguiu carreira com o nome de Hugo & Gabriel, com um novo integrantes. Hugo Pena tentou carreira solo. Mas separados, eles não tiveram tanta sorte quanto juntos e a parceria foi reatada em 2013



João Mineiro e Marciano — A clássica dupla João Mineiro e Marciano se separou em 1993. Não houve motivo oficial para o rompimento. João Mineiro formou dupla com o cantor Mariano, cujo nome soa semelhante ao do antigo parceiro. E Marciano preferiu seguir carreira solo


Milionário e José Rico — Bem que a dupla formada em 1969 tentou, porém esse é mais um caso de sertanejos que se separaram e não mantiveram o rompimento por muito tempo. Em 1991, os cantores começaram a discordar dos rumos da carreira e tomaram rumos diferentes. Milionário até anunciou uma parceria com Mathias, da dupla Matogrosso e Mathias. Mas não durou três anos e em 1994 eles estavam de volta


Matogrosso e Mathias — Em 2006, a dupla completou 30 anos de carreira. E esse foi o início do fim. O Mathias original saiu e dá lugar a Isaac Junior. Mas o público rejeitou o novo integrante. Matogrosso, então, convidou Rafael Belchior para assumir o papel de novo Mathias


http://entretenimento.r7.com/

Outras Notícias

Rick e Giovani se juntam após se separarem de suas duplas

Rick Sollo e Giovani vão unir forças nos palcos. Os cantores, que no passado se separaram de suas duplas originais --...

Lucas Lucco fará show em prol do Hospital do Câncer de Patrocínio

Está confirmada à apresentação do cantor e compositor Lucas Lucco em Patrocínio no dia 06 de abril de 2016, véspera d...

Chico Rey, da dupla com Paraná, morre em Maceió

Por volta das 15h desta sexta-feira, 26, morreu o sertanejo Chico Rey, da dupla com Paraná. De acordo com o produtor ...

Sertanejo Renner se emociona e pede perdão para Rick

Renner pede perdão a ex-colega Rick um ano após separação O sertanejo Renner decidiu pedir perdão ao ex-companheir...

Padre Alessandro Campos estreia no canal de TV Rede Vida

Depois de quase dois meses fora do ar, o Padre sertanejo Alessandro Campos divulgou seu novo programa que será estrea...

Com um trabalho repaginado e trazendo parcerias diferenciadas, o cantor Rick Sollo acaba de finalizar o primeiro CD da nova fase de sua carreira. O álbum intitulado

Com um trabalho repaginado e trazendo parcerias diferenciadas, o cantor Rick Sollo acaba de finalizar o primeiro CD d...

Daniel acaba de chegar de Los Angeles, onde acompanhou a finalização de seu novo CD e DVD.

O cantor esteve na sede na Universal Music, no Rio de Janeiro, e foi recebido com festa pela equipe da gravadora para...

A música “10 minutos longe de você” da dupla Victor e Leo com a participação de Henrique e Juliano foi a música mais tocada da semana entre 25/05 a 29/05/2015.

A dupla desbancou a música “Escreve aí” de Luan Santana que vinha mantendo o primeiro lugar há cinco semanas consecut...

João Neto e Frederico estão preparando o projeto comemorativo dos 10 anos de carreira que será lançado ainda este ano.

Para celebrar os 10 anos de carreira, a dupla fará um CD cheio de regravações e algumas participações especiais. “A g...

Jorge e Mateus anunciou oficialmente que seu próximo DVD será gravado no dia 4 de setembro.

A dupla revelou esteve para o Fausto Silva irão gravar seu próximo DVD ainda este ano, no dia 04 de setembro. “Pra se...

Giovani anuncia primeiro CD Solo com 11 músicas inéditas

Após o fim da dupla com o seu irmão, o cantor Giovani andou realizando algumas participações especiais em músicas de ...

A dupla João Bosco e Vinicius realizou um sonho antigo e reuniu em um CD grandes sucessos que fizeram parte do inicio da carreira.

Com 22 anos de estrada, aproximadamente 12 conhecido do grande público, a dupla lançou o CD “Estrada de Chão” que reú...